NOTÍCIAS


África e América do Sul reúnem-se em Lisboa

Sobe a égide da ICAO – Organização Internacional de Aviação Civil - e o patrocínio da NAV Portugal estão reunidos em Lisboa, entre 6 e 10 de Junho de 2016, cerca de 60 representantes dos prestadores de serviços de Navegação Aérea e das Autoridades Aeronáuticas dos países do Atlântico Sul, entre eles Senegal, Costa do Marfim, Gana, Angola, África do Sul, Cabo Verde, Argentina, Guiana Francesa,

Este é o ponto de encontro anual onde os “dois lados do Atlântico” discutem e aprovam os principais planos de implementação ligados à Navegação Aérea, Comunicações e interoperabilidade dos Sistemas, no sentido de promover um espaço aéreo mais seguro e eficiente para os utilizadores de Espaço Aéreo desta zona do Globo.

IMG_6220  IMG_6231  ICAO Meeting_Group

Seguindo o lema da ICAO “no country left behind”, a palavra de ordem será a cooperação entre as diferentes entidades de forma atingir os principais objetivos deste grupo – Um Espaço Aéreo mais Seguro e Eficiente para todos.

Com crescimentos superiores à Europa e América do Norte, e na mesma ordem de grandeza que a Ásia/Pacífico, a América do Sul e África são regiões particularmente interessantes face ao crescimento de tráfego previsto pela IATA.

Isso mesmo foi realçado no discurso de abertura pelo Presidente do Conselho de Administração da NAV Portugal - Engº Luis Coimbra - que realçou o facto de Portugal, pela sua posição estratégica ter sob seu controlo uma vasta área no Atlântico, “somos o único país Europeu capaz de fazer a ponte com quatro diferentes regiões da ICAO – Europa, Atlântico Norte, África e América do Sul, colocando-nos numa posição muito importante como principal interlocutor nesta região”.   

Por seu turno, o Senhor François Salambanga, representante da ICAO em Dakar, salientou o aspeto da cooperação e dos objetivos atingidos por este grupo, entre eles o “facto de ser hoje possível atravessar todo o Atlântico (norte e sul) ligado através de CPDLC – Controller Pilot Data Link Comunication, o que prova que este grupo apresenta resultados”.