12º Encontro de Pares

IMG_8827
Decorreu de novo em Lisboa, de 29 e 31 de Maio, no Hotel Tryp Lisboa Aeroporto, o décimo segundo Encontro anual da Equipa CISM (Critical Incident Stress Management) da NAV.

Este Encontro esteve originalmente planeado para ter lugar na ilha de Stª. Maria, nos Açores, mas dificuldades na disponibilização dos Pares da equipa, em termos de escala de serviço, determinaram a sua realização em Lisboa.

À imagem do 11º Encontro, decidiu a Comissão Coordenadora do Programa convidar para os dois dias de formação da Equipa no Encontro pares de equipas CISM congéneres e elementos de outras entidades com envolvência na intervenção na crise – Pares das equipas CISM da FAP (Força aérea Portuguesa), e da NETJETS, elementos da Cruz Vermelha Portuguesa, Marinha, Polícia Judiciária, TAP e Hospital de Faro. Esta decisão, baseada no especificado no Protocolo nacional do Programa, visa o estabelecimento e desenvolvimento de redes no sentido de assegurar a uniformização dos procedimentos, para que, em caso de necessidade, Pares de diferentes equipas na área ATM possam trabalhar juntos.

Tal como no ano passado, o enorme trabalho de preparação e coordenação que envolve a realização de um encontro desta dimensão esteve maioritariamente a cargo da Coordenadora Clínica do Programa, Dr.ª. Marta Aleixo, demonstrando à saciedade as suas reconhecidas competências organizativas, capacidade de trabalho, esforço e dedicação a este Programa e à equipa que integra e coordena.

No primeiro dia de manhã teve lugar o habitual Fórum, aberto à participação de equipas CISM, nacionais e estrangeiras, e que contou com a presença dos Srs. Gestor de Segurança, Sr. José Carlos La Cerda, FORMA, Sr. Abel Paraíba, GABCIM, Dr.ª. Sofia Azevedo e Directores DSEQ, DEP, DOPLIS e DOPATL, respectivamente o Sr. Mário Neto, Eng.º Carlos Alves, Engª. Conceição Ferreira e Sr. José de Sousa, bem como outras chefias das várias Direcções, demonstrando bem a relevância que este Programa tem para a NAV.

Este nosso espaço de divulgação e partilha de ideias contou este ano com a maior participação de sempre, não apenas por parte dos Pares da nossa Equipa mas também por parte de elementos de outras equipas CISM congéneres e de entidades na área da gestão de stress e intervenção na crise: 24 elementos da Equipa CISM da FAP, a coordenadora do Centro de Trauma, 1 elemento da Equipa CISM One on One (Pilotos), 5 psicólogos da Marinha portuguesa, 4 elementos da equipa CISM da Net-jets (membro da Stifftung Mayday), 2 elementos da Equipa CISM da IAA (Irish Aviation Autority), 1 elemento do Care Team da TAP, 1 elemento da Polícia Judiciária, e outro da PSP, 2 elementos da Cruz Vermelha Portuguesa,1 elemento da Revista de Segurança e 3 CTAs da ASA, congénere da NAV, no âmbito do projecto de implementação de um Programa CISM em Cabo Verde.

O SEGNA, Sr. António Guerra, procedeu à abertura dos trabalhos deste Fórum, referindo a importância do Programa CISM para a NAV, os 15 anos decorridos desde a criação do projecto e os 12 anos de existência do Programa e da Equipa, o caminho percorrido e os desafios futuros e a certeza de que, atendendo à capacidade demonstrada de renovação e reinvenção da Equipa, o Programa CISM da NAV está plenamente consolidado e se constitui como uma realidade para todos os potenciais utilizadores.

De seguida, a Dr.ª. Marta Aleixo deu as boas vindas a todos os que aceitaram o nosso convite para assistirem ao fórum do Encontro e procedeu à apresentação dos oradores e alinhamento das respectivas apresentações.

A primeira apresentação intitulada ‘Apresentação do Centro de Trauma’ foi efectuada pela Dr.ª. Luísa Sales, Coordenadora do Centro de Trauma do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra. A Dr.ª Luísa sales coordena também, desde 2012, em Portugal, os Cursos de Formação Avançada em Psicotraumatologia com acesso ao Certificado Europeu de Psicotraumatologia, validado pela European Society for Traumatic Stress Studies (ESTSS), da qual o Centro de Trauma é membro desde 2011. É terapeuta didacta da Sociedade Portuguesa de Psicodrama e dirige grupos terapêuticos de Psicodrama com vítimas de stress traumático.

A oradora apresentou o Centro de Trauma, detalhando as suas diversas áreas de actividade e organização e identificando os seus objetivos para a prevenção e intervenção no Trauma psicológico e na interação com outras instituições dentro desse âmbito.

A NAV Portugal, através do seu Programa e Equipa CISM é um dos parceiros protocolados do Centro de Trauma desde 2014.

A segunda apresentação - “Group Intervention – the Cork Crash 2011” - ficou a cargo de Lisa Wills e David Cropera, da equipa CISM da IAA (Irish Aviation Authority). Explicaram-se os factos e envolvência do acidente, quando e como foi o programa CISM activado, o desenrolar da intervenção de grupo – CISDebriefing, e as conclusões que se tiraram e os benefícios identificados resultantes da intervenção efectuada, bem como as ilações a retirar para o futuro.

A terceira apresentação, “What factors influence the request for CISM support in a multicultural environment – CISM Survey” esteve a cargo de Thomas Born, e Tatiana Ivanovsky da equipa CISM da NetJets. Os oradores descreveram como está actualmente organizado o programa CISM da Netjet e identificaram de novo os com que o Programa se depara, devido à sua especificidade multicultural e de dispersão geográfica. Neste momento é objetivo da equipa procurar saber quais os factores que influenciam o pedido para apoio da equipa CISM, nomeadamente através da realização de um questionário. Foi ainda abordado a disponibilização e o envolvimento da equipa da CISM da NETJETS na prestação de apoio aos colegas da Germanwings, após o recente acidente nos Alpes franceses.

A quarta e última apresentação, “CISM at Air Base Number 4: Lajes, Azores”, da Equipa CISM da FAP, esteve a cargo do Capitão Nuno Gama e Sargento-Ajudante Joaquim Condeço. Depois de ser feita uma pequena apresentação sobre as características da Base, abordou-se a questão particular de ser um local de trabalho partilhado entre a FAP e a Força Aérea Americana, esta última com uma rotação elevada do seu pessoal, identificando-se as implicações que essa situação tem para a actividade da Equipa; o facto de não estar formalizado qualquer tipo de apoio CISM aos militares americanos não tem invalidado a prestação de apoio por parte dos Pares da FAP nas Lajes, sempre que o mesmo se identifica necessário, embora de uma forma necessariamente informal, que não deixa de ser, no entanto, bem-sucedida. Tal como no ano anterior, a apresentação dos Pares da equipa CISM da FAP demonstra uma notável capacidade de adaptação na busca do estabelecimento da relação de ajuda, considerando os problemas de comunicação e diferenças culturais e organizacionais. Foi ainda abordado o tema de como a hierarquia militar pode ter impacto na capacidade de intervenção da equipa CISM.

O encerramento dos trabalhos deste fórum esteve a cargo do Coordenador nacional da equipa, CTA Rui Filipe, tendo sido referida a realização recente (em Abril último), em Lisboa, da primeira actividade na vertente CISM Famílias do Programa, que visa facultar aos familiares dos CTAs e TICAs a informação sobre stress e fadiga, incidentes críticos, sinais e sintomas de stress de um incidente crítico e estratégias de actuação e ajuda a um familiar. Foram identificados os desenvolvimentos previstos para o Programa, em termos do alargamento a outras carreiras técnicas e a implementação efectiva de um Programa de Gestão de Stress a todos os funcionários NAV.

Após o almoço, aberto aos convidados e oradores do fórum, e que contou com a presença de sua Exª. o Sr. Engº. Luís Coimbra, Presidente do Conselho de Administração da NAV Portugal, realizou-se a reunião da equipa CISM da NAV, durante o período da tarde. Nela se procedeu à análise do trabalho desenvolvido durante o ano de 2014, identificando-se as áreas no âmbito do Programa a dar continuidade e o trabalho a desenvolver durante o corrente ano e em anos futuros.

No segundo e terceiro dia do Encontro a equipa recebeu uma formação ministrada pelo Dr. Marco Ramos, da Universidade de Aveiro, que já tinha sido o responsável por facultar a formação à Equipa durante o Encontro Anual, em 2009, na Horta. “A pele à flor dos nervos: Relação de ajuda e inteligência emocional”, título da acção, abordou as temáticas do stress e relação de ajuda, identificando os factores que facilitam ou dificultam o estabelecimento de uma efectiva relação de ajuda, nomeadamente a nível das emoções, gestão das emoções e inteligência emocional. Por último, procedeu-se a uma breve apresentação do modelo de Análise Transaccional e a sua potencial utilização na relação de ajuda.

Quer pela adequação das temáticas à realidade da intervenção na crise, quer pelas reconhecidas qualidades de comunicação e competência do formador, todos os Pares da equipa presentes identificaram a formação foi muito positiva e de grande interesse, fornecendo novas ferramentas de grande utilidade potencial no desempenho das suas funções como pares CISM.

A abertura desta formação à participação de elementos de outras equipas CISM congéneres na área ATM revelou-se uma grande mais-valia para o grupo, não apenas pela partilha de diferentes experiências mas também pela riqueza e dinamismo que trouxe às actividades de grupo e de role-play.

O próximo Encontro Anual da Equipa CISM da NAV, está de novo planeado para a ilha de Stª. Maria, nos Açores, durante o primeiro trimestre de 2016.IMG_8859